março 19, 2010

“Tanta saudade, tanta tristeza, tanta falta e ele vem e fala baixinho, no meu ouvido, o tanto que precisa, o tanto que quer e o tanto que vai.” [Tati Bernardi]

“Como você trabalha esse sentimento dentro de você?”. Um amigo me perguntou isso ontem, e a única coisa que eu soube responder foi: “Jogando com a realidade de que ele não quer ficar comigo, ai eu me conformo e sigo em frente”. Sigo em frente com as baladas, com outros caras, com outras camas, com sonhos que criei depois dele pra poder sonhar sozinha. Sigo em frente no mercado comprando coisas que ele não gosta, sigo em frente ouvindo músicas que ele não curte. Sigo acordando cedo e dormindo cedo, já que o relógio dele é o contrário. Sigo até mesmo fazendo as coisas que ele gosta, só pra depois provocar e dizer à ele que os fiz pra outras pessoas. Sigo dizendo à todos que o superei, sigo falando no espelho tentando me convencer que é em outro que eu to pensando. Sigo inventando novas portas, mas não consigo nem virar a fechadura de imaginar que ele não estará la dentro. Sigo ralando, trabalhando mais do que posso, pra chegar bem cansada em casa e não dar tempo de sentir o vazio dele. Sigo me conformando, sigo escrevendo cartas, sigo pixando nos muros.

Mas de nada adianta isso, pois quando ele aparece meu chão escapa dos meus pés, o mundo todo silencia e eu só consigo enxergá-lo. Todo o caminho que eu tracei desaparece e eu vou aonde ele me leva, sem saber e nem enxergar o destino. Ele me tira o ar, me tira do sério e me leva pra outra realidade …

… e eu o sigo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: