Primeira e última vez …

novembro 18, 2009

“Cada vez é uma primeira vez.
Mas aquela foi mais primeira do que todas as outras.”
[Lya Luft]

As coisas todas têm acontecido tão intensamente, que cada vez é uma primeira e última vez. O beijo é sempre assim: fecho os olhos, encosto minha boca e enquanto nos beijamos eu disfarço nos meus olhos fechados a felicidade desse que parece o nosso primeiro beijo, e a agonia de suspeitar que seja o último. O abraço é sempre demorado, apertado, como quem se entrega ou talvez se despede, como saber do próximo segundo? O olhar, o bilhete deixado ou recebido, a ligação, tudo em mim ultimamente tem carregado a intensidade da primeira e da última vez. Talvez seja defesa minha, sou craque em criar defesa! Sim, porque dessa forma, quando as coisas acabarem de vez, eu já vou ter me despedido, me recolhido e me preservado da dor diversas vezes. Que o coração não descubra minhas artimanhas e continue sentindo tudo intensamente. Por mais que meu coração se dilate e se contraia sempre, acho que é dessa forma mesmo que devemos seguir a vida, então não me corrijo, sigo assim enquanto assim for dentro de mim!

2 Respostas to “Primeira e última vez …”

  1. (...) said

    Essa foi a primeira “primeira vez” de muitas outras primeiras que virão.
    Assim é o que meu coração deseja.

    (…)
    Apenas alguém que te ama!

  2. dohko said

    e que seja doce enquanto dure…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: