Tchau. I have to go now …

março 23, 2009

“Meus amores morrem antes mesmo de nascer.”

[Paulo Coelho – Onze Minutos]

aviao

 

É assim que me sinto hoje. Perdendo um amor que nem teve tempo de começar. Como em um aborto a mãe sente a dor de perder um filho que nunca teve, hoje eu sinto saudades de algo que não vivi com você, e já sei que nunca mais vou viver. Parece exagero, afinal nos vimos duas vezes. Nos falamos poucas vezes no telefone. E sabe lá se um dia nos veremos de novo. Mas é assim que me sinto, e não quero censurar meus sentimentos, pensamentos e ilusões. Quero sentir tudo até o último momento. E quando o relógio apontar 16h eu quero sentir um aperto no coração, quero rezar pra tudo correr bem e sentir mais saudades de tudo isso que você está levando com você, e que talvez, quem sabe, por um acaso do destino, poderia ter se tornado meu!

Ilustração Suelen Dias

3 Respostas to “Tchau. I have to go now …”

  1. eu tenho poesia(ou quase poesia) pra esse post:

    “Jesus dos Santos: minguou na morte-crescente, numa noite de lua cheia.”

  2. ( ah sim, outro dia me perguntaram porque ‘jesus dos santos’?resposta: ” nao gosto de falar de amores, mas sim de pessoas, entao pra nao me contradizer escrevi um nome, um substantivo proprio qualquer, em vez de amor, pois me pareceria muito vago falar de um substantivo comum, quando nao é algo tao simples assim)

  3. quase que nao entende? ahuaha…
    é so ler a frase do paulo coelho, e de pois pensar no jesus dos santos, é a mesma coisa, o mesmo tema, o mesmo assunto, a mesma imagem.
    eu quis dizer a palavra ‘amor’.porque ele é um substantivo comum(ortograficamente falando). mas acaba sendo complexo quando lidamos com ele. entao nao cabe essa denominaçao a ele. é melhor falarmos dele como substantivo proprio. onde cada pessoa tem o seu, e se corresponde com ele de maneiras diferentes. alem disso, sempre tem uma pessoa do outro lado. sempre tem um nome.
    (ahh, nao vou mais fazer isso nao. eu fico explicando, tenho que parar com essa mania, a coisa é pra se sentir e nao explicar. depois dessa a poesia ate perdeu sua força…ahuahau

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: